O seu Portal de Informações em Mato Grosso

Domingo, 03 de julho de 2022
MENU

Justiça

Deputado vira réu por acusar prefeito de estuprar adolescente em MT

Juarez Costa informou a PF não ter responsabilidade pela divulgação de vídeo

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O juiz eleitoral Cleber Luiz Zeferino de Paula tornou réu o deputado federal Juarez Costa (MDB) e o empresário e candidato derrotado a vice-prefeito, Ladimir Dal Bosco (União Brasil), conhecido como Billy Dal Bosco.

Eles responderão por calúnia, injúria e difamação devido a suspeita de patrocinar material apócrifo que associava o atual prefeito de Sinop (500 km ao Norte de Cuiabá), Roberto Dorner (Republicanos), à prática de pedofilia.

O material foi espalhado pelo WhatsApp nas vésperas da eleição de 2020, quando ambos foram adversários na disputa pela Prefeitura de Sinop. 

Um dos vídeos dizia que Roberto Dorner teria mantido relação sexual com uma menina de 13 anos que seria portadora de doença mental e engravidado.

Na fase de inquérito conduzido pela Polícia Federal, o deputado federal Juarez Costa atribuiu a responsabilidade da divulgação do vídeo à sua produtora de conteúdos da campanha eleitoral, a empresa TR Produções de Sons e Imagens. Ainda declarou que só teve conhecimento do material após a divulgação, alegando assim que não exerceu nenhuma influência na divulgação.

www.jlnoticias.com.br

Fonte/Créditos: FolhaMax

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Olá, tudo bem? Entre em contato conosco através do nosso WhatsApp.