O seu Portal de Informações em Mato Grosso

Notícias Política

Vereadores aumentam o próprio salário pela 2ª vez em menos de um mês em MT

Parlamentares reajustaram salário no mês passado e neste mês, de novo, antes mesmo de um mês.

Vereadores aumentam o próprio salário pela 2ª vez em menos de um mês em MT
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Câmara Municipal de Alta Floresta, a 8 km de Cuiabá, aprovou em sessão extraordinária o segundo aumento em menos de um mês. A sessão foi realizada na sexta-feira (14), durante o recesso parlamentar.

Com esse segundo reajuste, o salário passou a ser de mais de R$ 7,9 mil.

Antes disso, em dezembro de 2021, eles aprovaram outro reajuste, que aumentou o salário de R$ 4,9 mil para mais de R$ 6,9 mil.

O primeiro reajuste foi de 39,63% e agora, de 15,61%, englobando também os demais servidores do Legislativo municipal. Somados, o percentual ficou acima de 55%.

A justificativa dos vereadores é de que o reajuste é referente às perdas inflacionárias do período de 2020 e 2021 contidas na Revisão Geral Anual (RGA), de 15,61%, conforme prevê a Constituição Federal.

Além disso, os parlamentares também aprovaram o aumento de 45% da verba indenizatória, que já a partir deste mês passará de R$ 4 mil para R$ 5,8 mil.

Para justificar o recebimento deste valor, os vereadores devem apenas apresentar um relatório circunstanciado de atividade parlamentar.

Com os aumentos, o subsídio mensal de cada parlamentar será superior a R$ 13,7 mil.

Até dezembro do ano passado, o valor era de pouco mais de R$ 8,9 mil, somando salário e verba indenizatória. Isso significa que cada parlamentar começará 2022 recebendo um aumento de mais de R$ 4,7 mil. Em Alta Floresta são 13 vereadores.

O presidente da Câmara de Vereadores, Oslen Dias, afirmou que os projetos foram votados em sessão extraordinária em virtude do recesso parlamentar.

De acordo com ele, esses aumentos são para compensar as perdas dos últimos dois anos, 2020 e 2021, e que a verba indenizatória foi aprovada há mais de 10 anos e está amparada pela legislação como forma de dar mais condições para o exercício da atividade parlamentar.

Direto da Redação
www.jlnoticias.com.br

Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Olá, tudo bem? Entre em contato conosco através do nosso WhatsApp.